Compostagem laminar: conheça e aprenda a fazer em casa

Compostagem laminar: conheça e aprenda a fazer em casa

A compostagem laminar é aquela onde a decomposição de resíduos orgânicos ocorre na superfície do solo. A técnica, conforme informações da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), foi inspirada em processos naturais como a degradação de serrapilheira nas matas. Trata-se de uma boa alternativa para o manejo de resíduos orgânicos produzidos no dia a dia de uma casa: cascas de frutas, resto de grama, borra de café, cascas de ovos…
 
De acordo com a Associação Brasileira das Indústrias de Tecnologia em Nutrição Vegetal, a compostagem laminar contribui para o bom desenvolvimento das plantas com baixa utilização de insumos químicos.
 
Passo a passo: adubo caseiro fácil
 
Confira abaixo um passo a passo para você fazer em casa seu próprio composto para adubação laminar. Essa dica veio diretamente do Jardim das Ideias, portal da STIHL para os apaixonados por jardinagem.
 
Materiais necessários:
Resíduos orgânicos que você tiver à disposição (como cascas de frutas e verduras);
Água;
Liquidificador;
Palha ou casca de pínus.
 
Modo de fazer:
Bata todos os resíduos no liquidificador, acrescentando o mínimo possível de água.
Com a ajuda de uma colher, aplique uma pequena quantidade nos vasos de planta desejados –e nas que estão plantadas diretamente no solo também.
Cubra a misturinha com palhas ou casca de pínus. Esse passo é fundamental para evitar o aparecimento de moscas, fungos ou demais pragas.
Após, regue a planta.
 
Dicas:
• Esse adubo caseiro não deve ser usado em cactos, suculentas ou plantas de vaso que não gostem de umidade.
• O ideal é usar o adubo logo depois que ele for feito, sem guardar para outras utilizações.
• Nunca utilize produtos de origem animal, com sal, açúcar ou azeite.
• Não há regra sobre quantidade ou periodicidade de aplicar esse adubo nas plantas.